Como empresas do mercado financeiro utilizam AgilityHealth® para acelerar a agilidade

Veja por que a medição periódica é essencial para a transformação, especialmente em  mercados extremamente competitivos.   

O mercado financeiro brasileiro vive um turbilhão de inovação, impulsionado por inúmeros fatores, como a digitalização acelerada do consumidor, a competição agressiva das Fintechs e Insuretechs, além de novidades importantes, como o PIX e o Open Banking.

Com tantas oportunidades e desafios, a agilidade tem passado de vantagem competitiva à necessidade essencial para sobrevivência.

É verdade que toda empresa importante do setor está investindo pesado em estabelecer dinâmicas ágeis, adotar computação em nuvem, estruturar squads, implantar DevOps e acelerar a transformação digital em todas as suas dimensões. No entanto, diferentemente de outras mudanças, a aceleração da agilidade não depende somente de investimentos financeiros e nem sempre pode ser medida ou acelerada apenas com adoção de ferramentas e soluções de tecnologia. 

Agilidade é colaboração, é interação, é cultura, é time. Enfim, depende das pessoas. E a única maneira de saber se as iniciativas estão funcionando de verdade é a medição contínua da agilidade nos níveis individuais, de equipes e da corporação. E, nesse ponto, o AgilityHealth® é um grande aliado.

Uma ferramenta que acompanha toda sua jornada ágil

A AgilityHealth® tem ajudado o mercado financeiro a tangibilizar e dar visibilidade aos aspectos humanos da transformação, especialmente quando se fala de escalar a agilidade.

No Royal Bank of Canada, a solução tem sido considerada uma das plataformas-chave para a transformação do Banco. 

No Federal Reserve Bank, os radares são usados para monitorar agilidade e a plataforma orientada por papéis ajuda os diferentes profissionais-chave a se desenvolverem.

Outras instituições financeiras aproveitam a possibilidade de se obter tanto informações quantitativas quanto qualitativas, para orientar a evolução dos times e das lideranças e criar planos sólidos de desenvolvimento, com resultados mensuráveis de melhoria de performance, agilidade e retorno sobre o investimento.

Resultados do uso de AgilityHealth® por instituições financeiras ao redor do mundo

Fonte: Pesquisa Casos de Clientes AgilityHealth®

Como se vê, adotar a ferramenta como parte da estrutura de transformação ágil traz resultados tangíveis e mensuráveis no médio e longo prazo. Mas a solução já entrega valor desde o início.

Muitas empresas do setor usam os radares da AgilityHealth® para obter respostas, mapear obstáculos e otimizar os times ágeis, mesmo que ainda estejam pensando na agilidade no nível de times ou mesmo de indivíduos.

Independentemente do estágio de maturidade, o primeiro passo é sempre realizar o diagnóstico e identificar os critérios mais importantes para analisar e selecionar o radar a ser utilizado. 

Através de uma sessão de retrospectiva/autoavaliação com as equipes/squads, todos podem refletir sobre onde o time está no momento e qual o próximo passo a ser dado. 

A partir daí é possível registrar na plataforma as ações que a equipe está realizando e começar a jornada visível de evolução.

Com os radares gerados, é possível ter visão ampla da agilidade e entender qual a diferença de um time ágil do ponto de vista cultural e de práticas para um time que não é tão ágil, tangibilizando o esforço da transformação.

Com isso, é possível começar a medir o valor agregado da agilidade em termos culturais, de qualidade, velocidade, produtividade e até financeiros.

Ao mapear a quantidade de squads dentro da organização e conectar os indicadores e a  agilidade com números do Jira Software, por exemplo, é possível analisar a relação entre squads mais maduros em agilidade e os mais produtivos.  

Assim, a organização consegue não só entender quantos times são necessários para enfrentar os desafios, mas também o perfil de agilidade ideal desses times e os gaps que a organização precisa cobrir com treinamentos, workshops e mentorias. 

Um outro benefício encontrado com a medição da agilidade é a possibilidade de analisar a relação entre maturidade ágil e rotatividade, o que é especialmente importante num cenário de escassez de talentos. Ao observar padrões de comportamento entre times estáveis e os de grande volatilidade, é possível entender o impacto da agilidade qualitativa na rotina, na produtividade e na satisfação do colaborador.  

Com o uso dos radares do AgilityHealth®, as organizações financeiras (e de outros setores) conseguem entender, de forma contínua, a evolução das práticas ágeis em qualquer nível e dimensão e ganham um aliado poderoso na construção de uma cultura ágil de verdade.

A OAT Solutions é parceira AgilityHealth® no Brasil e tem larga experiência em transformação digital. Fale com nossos especialistas e saiba como podemos ajudar o seu negócio: https://oatsolutions.com.br/agility-health/


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *